Momentos económicos… e não só

About economics in general, health economics most of the time


4 comentários

taxas moderadoras na educação (?)

basta estar fora dois dias, e não ver a entrevista do primeiro-ministro para ficar logo fora da actualidade política nacional, sendo logo informado das ideias de ter uma comparticipação privada diferente no financiamento da educação, sendo que quem me falou no assunto referiu o termo  “taxas moderadoras na educação”.

Faz pouco sentido ter um pagamento no ensino obrigatório que seja visto como taxa moderadora, se é obrigatório, não há margem para moderar, além de ser duvidoso que se queira moderar. Ainda assim, e antes de ver mais sobre o tema, pareceu-me útil saber de que ordem de números estamos a falar. Usando a base de dados de educação da OCDE, as duas figuras seguintes mostram a percentagem de financiamento das famílias nas despesas com educação (primeiro) e a percentagem pública do financiamento da educação, mas contemplando apenas as despesas com o ensino secundário.

Figura 1: % da despesa das familias

Figura 2

Figura 2: % percentagem da intervenção pública

Figura 1

(nota: as percentagens das duas figuras não somam 1 para cada país porque podem haver outras fontes de financiamento das despesas com educação)